Neste Blog, o Dr. Paulo Branco irá publicar matérias sobre as suas especialidades, além de responder duvidas e interagir com seus leitores e pacientes.

Fique sempre atualizado para saber das melhores e mais inovadoras técnicas para desenvolver seu bem estar e qualidade de vida.

Envie suas dúvidas e perguntas para: paulobrancoprocto@gmail.com



Youtube - Dr. Paulo Branco

Youtube - Série especial de vídeos

domingo, 10 de dezembro de 2017

Cisto pilonidal causa, diagnóstico e tratamento com laser sem internação e com fechamento da ferida cirúrgica ilustrado com fotos e links educativos..

CISTO PILONIDAL:
- CAUSA DO CISTO PILONIDAL:
A causa exata do CISTO PILONIDAL não e conhecida mas dentre algumas teorias a mais aceita são os pelos dai o nome piloso.
CISTO PILONIDAL CAUSADO POR PELOS: 


Comentário do PROCTOLOGISTA SOBRE O CISTO PILONIDAL: A base do folículo piloso é muito larga e as bactérias que vivem na superfície da pele penetram por esse folículo largo e uma vez no seu interior se multiplicam formando de início o ABSCESSO PILONIDAL que após drenagem se transformará na CISTO PILONIDAL que na realidade é um tal cisto por não apresentar uma cápsula real e bem definida com o CISTO DE OVÁRIO POR EXEMLLO.

- DIAGNOSTICO DO CISTO PILONIDAL: Na fase aguda pela constatação da tumoração dolorosa AL do ABSCESSO PILONIDAL e na fase crônica pela presença dos ORIFÍCIOS na pele entre os glúteos.



CISTO PILONIDAL NA FASE CRÔNICA COM OS ORIFICIOS SAINDO OS PELOS: 


EXAME PARA O DIAGNOSTICO DO CISTO PILONIDAL: Quando acho necessário sólito uma Ressonância magnética para saber a extensão do cisto pilonidal ou se ele é complexo mas atualmente com a experiência que adquiri não tenho solicitado pais a RESSONÂNCIA  MAGNÉTICA. 
- Tratamento do CISTO PILONIDAL:
Eu faço a CIRURGIA PARA A RETIRADA DO CISTO PILONIDAL COM O LASER SOB ANESTESIA LOCAL E SEM INTERNAÇÃO  E SEMPRE COM FECHAMENTO DA FERIDA CIRÚRGICA para evitar o sofrimento causado pela ferida deixada aberta para pacientes jovens em plena atividade no esporte, trabalho e afetiva.

Cisto pilonidal
A causa exata do CISTO PILONIDAL  não e conhecida mas dentre algumas teorias a mais aceita são os pelos dai o nome piloso que crescem para dentro da pele e se comportam como um corpo estranho provocando uma reação inflamatória que diagnosticamos como CISTO PILONIDAL.
CISTO PILONIDAL CAUSADO PELOS PELOS.



Comentário sobe CISTO PILONIDAL: A base do folículo piloso é muito larga e as bactérias que vivem na superfície da pele penetram por esse folículo largo e uma vez no seu interior se multiplicam formando de início o ABSCESSO PILONIDAL que após drenagem se transformará na CISTO PILONIDAL QUE NA realidade é um tal cisto por não apresentar uma cápsula real e bem definida como CISTO DE OVÁRIO POR EXEMPLO.
Diagnóstico do CISTO PILONIDALNa fase aguda pela constatação da tumoração dolorosa e na fase crônica pela presença dos orifícios na pele entre os glúteos.



CISTO PILONIDAL NA FASE AGUDA OU DE ABSCESSO PILONIDAL: 


CISTO PILONIDAL NA FASE CRÔNICA, VEJA O ORIFICIO DO CISTO COM PELOS NO SEU INTERIOR:


- EXAME PARA O DIAGNÓSTICO DO CISTO PILONIDAL: Quando acho necessário sólito uma RESSONÂNCIA MAGNÉTICA  para saber a extensão do cisto pilonidal ou se ele é complexo mas atualmente com a experiência que adquiri não tenho solicitado pais a RESSONÂNCIA  MAGNÉTICA. 
Tratamento do CISTO PILONIDAL:
Eu faço a CIRURGIA PARA A RETIRADA DO CISTO PILONIDAL COM O LASER SOB ANESTESIA LOCAL E SEM INTERNAÇÃO  E SEMPRE COM FECHAMENTO DA FERIDA CIRÚRGICA para evitar o sofrimento causado pela ferida deixada aberta para pacientes jovens em plena atividade do esporte aos estudos sem falar no comprometimento no trabalho em uma fase extremamente produtiva.
cisto pilonidal insucesso da cirurgia aberta.
CISTO PILONIDAL LEIA O CASO CLINICO DA CIRURGIA TRADICIONAL ABERTA ENVIADO PARA O  WHATSAPP DO PROCTOLOGISTA  :

cisto pilonidal retirado com laser.
CISTO PILONIDAL VEJA A RETIRADA COM LASER GUIADA PELO MEU GUIA METÁLICO SOB A NESTESIA LOCAL E SEM INTERNACAO: 
cisto pilonidal cirurgia aberta e fechada com laser
CISTO PILONIDAL VEJA A CIRURGIA TRADICIONAL ABERTA E A CIRURGIA FECHADA COM LASER SOB ANESTESIA LOCAL E SEM INTERNACAO: 
cisto pilonidal veja a cirurgia fechada com laser.
CISTO PILONIDAL VEJA A CIRURGIA FECHADA COM LASER: 

cisto pilonidal cirurgia fechada veja o resultado apos a retirada dos pontos.
CISTO PILONIDAL VEJA A CIRURGIA FECHADA COM LASER SOB ANESTESIA LOCAL E SEM INTERNAÇÃO: 
cisto pilonidal veja a cirurgia fechada com laser.
CISTO PILONIDAL VEJA O RESULTADO FINAL DA CIRUGIA  FECHADA COM LASER  SOB ANESTESIA LOCAL E SEM INTERNAÇÃO: 
PROCTOLOGISTA MOSTRA:
cisto pilonidal resultado final da cirurgia fechada com laser sob anestesia local e sem internação:

www.drpaulobranco.com. br
CISTO PILONIDAL VEJAM AS CIRURGIAS TRADICIONAL ABERTA E A FECHADA  COM LASER: 

Verrugas de hpv no gay no penis, pele perianal, ânus, púbis e na pele da bolsa escrotal que faço o tratamento com laser sem internação.

VERRUGAS DE HPV NO HOMEM GAY:

TRANSMISSÃO DO VIRUS DO HPV NA RELAÇÃO SEXUAL ENTRE GAYS: AS VERRUGAS DE HPV perianal e peniana sao transmitidas e tem uma maior frequência na relação sexual entre homens GAYS SEM O USO DA CAMISINHA OU PRESERVATIVO em em locais considerados de risco como na promiscuidade, saunas gays, festas com práticas sexuais em grupo com ou sem uso de drogas e no sexo forte consentido entre os gays que na minha experiência clínica foi uma causa importante de contração de uma DST pelo GAY.
 Gay com verrugas de hpv refere ter feito vários tipos de tratamento que não resolveram com casca de banana, aspirina, gelo e pomadas.

VERRUGAS DE HPV E MAIS FREQUENTE NA RELACAO SEXUAL GAY: 


VERRUGAS DE HPV É MAIS FREQUENTE NA RELACAO  NA RELACAO GAY E NOS LOCAIS COMO AS SAUNAS GAYS: 


VERRUGAS DE HPV SÃO MAIS FREQUENTES NA RELAÇÃO SEXUAL ENTRE HOMENS GAYS QUE NÃO USAM A CAMISINHA:


Foto abaixo: Gay com verrugas na pele perianal contraídas pela relação anal sem camisinha.


VERRUGAS DE HPV NA PELE PERIANAL DO GAY CONTRAIDA PELA RELACAO SEXUAL SEM CAMISINHA:


DIAGNÓSTICO DO HPV NO GAY:
Infelizmente a forma ASSINTOMÁTICA  e a apresentação clínica mais frequente de um HOMEM GAY infectado pelo VÍRUS DO HPV que só saberá quando apareceram as VERRUGAS DE HPV é menos frequentemente pelo aparecimento de coceira e drenagem de secreção para os casos de infecção da mucosa do reto.
 Verrugas de hpv na pele perianal do gay e o principal sintoma da infecção pelo vírus do hpv.
 As Verrugas representam o principal sintoma da infecção pelo vírus do hpv no gay.


verrugas de hpv na pele perianal do homem gay contraída pela relação sexual sem camisinha:



- TRATAMENTO COM LASER DAS VERRUGAS DE HPV NOS GAYS:
 Vírus do hpv, a contaminação e mais frequente na relação entre homens gays.
Quando o paciente apresenta o CONDILOMA ACUMINADO isto é varias verrugas em um local ou varios locais a retirada das VERRUGAS DE HPV EU PREFIRO FAZER COM O LASER SOB ANESTESIA LOCAL E SEDAÇÃO LEVE E SEM INTERNAÇÃO em uma vez ou mais raramente em duas vezes.
 Verrugas de hpv no gay tratamento com laser sem internação.
 Verrugas de hpv no homem gay tratadas com laser sob anestesia local e sem internação na clínica de proctologia para o HOMEM GAY.
LASER PARA O TRATAMENTO DAS VERRUGAS DE HPV SOB ANESTESIA LOCAL E SEM INTERNACAO: 
LASER PARA O TRATAMENTO DAS VERRUGAS DE HPV SOB ANESTESIA LOCAL SEM INTERNAÇÃO:


VERRUGAS DE HPV TRATADAS COM LASER SOB ANESTESIA LOCAL E SEM INTERNAÇÃO: 



VERRUGAS DE HPV TRATADAS COM LASER SOB ANESTESIA LOCAL E SEM INTERNACAO: 

POMADAS PARA O TRATAMENTO DO CONDILOMA ACUMINADO:
NUNCA INDICO TRATAR O CONDILOMA ACUMINADO COM POMADAS PELOS FERIMENTOS QUE CAUSAM NA PELE E VERRUGAS:


POMADA NUNCA USO NO CONDILOMA ACUMINADO E ANAL PELOS FERIMENTOS QUE CAUSA NE PELE:


FERIMENTO CAUSADO PELA POMADA PARA TRATAMENTO DAS VERRUGAS DE HPV: 




ACOMPANHAMENTO APÓS CIRURGIA PARA RETIRADA DAS VERRUGAS DE HPV COM LASER NO GAY:
FAÇO ATRAVÉS DA ANÁLISE MICROSCÓPICA DA CARGA VIRAL NA PELE PENIANA, PUBIANA, BOLSA ESCROTAL E PERIANAL.
 ANUSCOPIA DE ALTA RESOLUÇÃO que faço na minha clínica para avaliar a carga viral no acompanhamento após a retirada das VERRUGAS DE HPVcom laser sob anestesia local e sem internação.


ANUSCOPIA DE ALTA RESOLUÇÃO QUE DETERMINARÁ A CARGA VIRAL DO HPV NA PELE PERIANAL: 

RESULTADO ANUSCOPIA DE ALTA RESOLUÇÃO PARA DETECTAR A CARGA VIRAL DO HPV:



PROCTOLOGISTA Dr Paulo Branco realizando a ANUSCOPIA DE ALTA RESOLUÇÃO PARA AVALIAÇÃO DA CARGA DO VIRUS HPV APÓS A RETIRADA DAS VERRUGAS PERIANAIS COM LASER SOB ANESTESIA LOCAL E SEM INTERNACAO: 

- CARGA VIRAL DO HPV PERIANAL:
Pequena: Repetir o exame.
Média: tratamento com Laser ou imunomodulador.
 Laser para o tratamento das Verrugas de hpv na pele perianal no gay.
Grande: Imunomodulador local e oral + vacina.

CASO CLÍNICO DO HOMEM GAY COM VERRUGAS DE HPV NO PENIS, BOLSA ESCROTAL, PÚBIS e PERIANAL QUE REFERE TER FEITO TRATAMENTO COM 
 CRIOTERAPIA, GILETE, ASPIRINA E CASCA DE BANANA e não resolveu.


VERRUGAS DE HPV VEJA ACIMA OS TRATAMENTOS INADEQUADOS:

VERUGAS DE HPV VEJA OS TRATAMENTOS INADEQUADOS:










Cisto pilonidal: Cirurgia fechada com laser sob anestesia local e sem internação e sem internação:

CISTO PILONIDAL NA FOTO QUE FOI RETIRADO COM LASER E COM FECHAMENTO DA FERIDA CIRÚRGICA PARA EVITAR O PÉSSIMA QUALIDADE DE VIDA QUANDO A FERIDA E DEIXADA ABERTA.
PROCTOLOGISTA:
DR PAULO BRANCO
WHATSAPP: 11-995204135.
www.drpaulobranco.com.br

CISTO PILONIDAL:

- CAUSA DO CISTO PILONIDAL:

A CAUSA EXATA DO CISTO PILONIDAL  NAO SE SABE MAS UM ANDAR TEORIAS MAIS ACEITA SAO PELOS  PELOS QUE CRESCEM PARA DENTRO DA PELE OU PELAS BACTÉRIAS DA PELE QUE ADENTRAM PELA ABERTURA DO FOLÍCULO PILOSO E CAUSAM INFECÇÃO NO TECIDO DE GORDURA ABAIXO DA PELE GERANDO UM ABSCESSO. 

- DIAGNÓSTICO DO CISTO PILONIDAL:

E CLÍNICO E FEITO PELA HISTÓRIA DE DRENAGEM DE SECREÇÃO GERALMENTE PURULENTA POR UM OU MAIS ORIFÍCIOS NA PELE DO SULCO INTERGLUTEO.

- EXAMES PARA O DIAGNÓSTICO DO CISTO PULONIDAL:

PARA ALGUNS CASOS SOLICITO UMA RESSONÂNCIA MAGNÉTICA MAS NORMALMENTE NÃO PEÇO NENHUM EXAME PARA CONFIRMAR O DIAGNISTICO DE CISTO PILONIDAL. 

- TRATAMENTO DO CISTO PILONIDAL:

- Fase aguda:

Drenagem + antibióticos.

- Fase cronica do CISTO PULONIDAL:

FAÇO A RETIRADA COM LASER DO CISTO PILONIDAL SOB ANESTESIA LOCAL E SEDAÇÃO LEVE SEM INTERNAÇÃO SEGUIDA DE FECHAMENTO DA FERIDA CIRÚRGICA EVITANDO O SOFRIMENTO DA FERIDA ABERTA.

PROCTOLOGISTA: Dr Paulo Branco.

- Site: www.dropaulobranco.com.br

- YouTube: proctologista Dr Paulo Branco

- Blog da saúde medica

- Fanpage:

Proctologista online. 

Foto abaixo o proctologista Dr Paulo Branco realizando a cirurgia fechada com laser para o tratamento cirúrgico do CISTO PILONIDAL.

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Cisto pilonidal recidivado

CISTO PILONIDAL a ferida cirúrgica abrio após a retirada dos pontos pela cirurgia convencional foi a duvida enviada pela paciente para o WhatsApp do PROCTOLOGISTA ONLINE.



cisto pilonidal: caso clinico enviado para o whasApp do proctologista online:



CISTO PILONIDAL: caso clinico enviado para o whatsApp do PROCTOLOGISTA ONLINE.




CISTO PILONIDAL: ferida aberta após a cirurgia convencional consequente ao fechamento inadequado na cirurgia convencional.



- CISTO PILONIDAL: Causas da abertura da ferida cirurgica após cirurgia convencional fechada.


CISTO PILONIDAL VEJA OS PELOS SAINDO PELO ORIFICIO DO CISTO.

1- A retirada de muito tecido normal na volta do CISTO PILONIDAL pelo medico proctologista tanto irá dificultar o fechamento como deixará os pontos sob tensão com maior chance de abrir como aconteceu com a paciente neste caso.
2- Foi fechada de forma errada sem os pontos de sustentação que isolam a forca centripeta dos glúteos na incisão e nos pontos cirurgicos o que determinará o rompimento dos mesmos.


CISTO PILONIDAL VEJA QUE FOI RETIRADO TECIDO EM EXCESSO.

Tratamento pela cirurgia com laser:
- Anestesia local.
- Sem internação.
- Identificação do trajeto de forma completa com o meu guia metálico.
- Laser: Retiro o tecido doente guiado pelo guia metálico somente próximo ao trajeto do cisto.

- Fechamento de toda a ferida cirúrgica com pontos sub-totais amparados por esponjas e pele e gordura abaixo da pele com fios adequados.


CISTO PILONIDAL VEJA A FERIDA FECHDA DE FORMA CORRETA APÓS A RETIRADA DO CISTO PILONIDAL COM LASER:

CISTO PILONIDAL VEJA O FECHAMENTO CORRETO APOS A RETIRADA DO CISTO PILONIDAL COM LASER: 

CISTO PILONIDAL APÓS RETIRADA DOS PONTOS:


- Alta após a cirurgia:
Retornos com 7,14 e 21 dias e pelo Whatsapp nos falamos diariamente.



Secretaria para agendamento: Mônica.

Guia com as orientações para o pós-operatório para os pacientes operados na minha clinica de cisto pilonidal: 









sábado, 23 de setembro de 2017

Proctologista online para o homem gay foi entrevistado pelo jornalista Roberto Rodrigues e explicou a relação das doenças proctologicas com o sexo ativo e passivo entre os gays:

Vídeo educativo o proctologista Dr Paulo Branco foi entrevistado pelo jornalista Roberto Rodrigues, online, onde explicou se as doenças proctologicas nos gays poderão ser causadas pelas relações sexuais no gay ativo e passivo #proctologia

Doenças anais x sexo anal:

Pelinhas ou plicomas perianais e a relação passiva entre homens gays:
Resposta: As pelinhas ou plicomas perianais são definidas como Hemorroidas externas e sob essa pele há um vaso e portanto essas Pelinha ou plicomas perianais não são causadas pela relação sexual.

clinica de proctologia com laser


A fissura anal aguda ( foto) e crônica clássicas tem como teoria mais aceita para explicar a sua origem a pressão aumentada do músculo esfíncter interno do anus e portanto a sua origem não está no sexo anal mas para o seu aprendizado as fissuras anais decorrentes do sexo anal são consequentes a uma lubrificação ou relaxamento inadequados e geralmente são fissuras anais múltiplas e dispostas de forma radiada na pele da abertura anal.

clinica de proctologia com laser 


- A Fistula perianal  e causada pela sexo anal?
As fistulas perianais começão na grande maioria dos casos pela inflamação das glândulas anais o que poderá ocorrer pelo traumatismo dessa por brinquedos eróticos e o penis, mas é muito difícil a sua comprovação.

clinica de proctologia com laser


- As Hemorroidas  são causadas pela relação anal?
Resposta: O sexo anal não causa Hemorroidas porém se você tiver Hemorroidas aumente a lubrificação e antes procure ter um bom relaxamento do músculo anal para não haver traumatismo do penis sobre as hemorroidas que poderam inflamar eMate mesmo sangrar.

clinica de proctologia com laser


Sexo anal inflama o anus?
Resposta: Proctologista.
Se for realizada uma penetração anal sem lubrificantes na abertura anal, canal anal e mucosa do reto e sem um relaxamento adequado do músculo anal poderá haver um traumatismo com consequente inflamação anal diagnósticada como proctite na qual observamos a glândula anal inflamada e aumentada que será chamada de papilite hipertrófico como aparece na foto abaixo.

clinica de proctologia com laser

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Proctologista online para o homem gay em entrevista para o jornalista Roberto Rodrigues fala sobre a relação ativa/passiva, brinquedos eróticos, DSTs e chuca nos gays.

Proctologista na entrevista para o jornalista Roberto Rodrigues falou sobre brinquedos eróticos, DSTs, chuca e relação ativa e passiva no gay:

Locais gays: presta atenção nessa verdade que pude comprovar e que sinceramente sou totalmente contra. Os gays precisam frequentar restaurantes, bares,  boates, casas noturnas e até mesmo um shopping onde seja explícito e claro que é permitido beijo, abraço, carinhos e afagos entre homens gays para que eles sejam o mais natural e felizes.

- Fonte de informação: Os gays na realidade aprendem no amadurecimento dos seus relacionamentos que será possível o amor entre pessoas do mesmo sexo e por um simples motivo, não há livros, revistas e sites educativos para o aprendizado da relação gay e essa descoberta após pesquizar dos sebos as grandes livrarias me estimulou a escrever no meu site e blogs para o homem gay.

Caso ilustrativo que vive com um amigo de 20 anos, medico é heterossexual: estávamos saindo de um restaurante após jantarmos com as nossas esposas, eu tinha sido convidado por um grande empresário e propietario de uma casa noturna gay de São Paulo para participar de um evento e falei para o velho amigo que iria para esse evento, ate aí tudo normal, mas ao chegarmos no local o amigo se transformou e fez uma crise de homofobia das piores que ja presenciei e me interrogava, ta louco você me trouxe em uma casa gay, sou casado e tenho filhos e família e foi embora com a esposa, eu sai do evento as 4h da manhã, fui muito bem tratado e respeitado como ser humano e a vida continua, segue e na minha opinião a vida é muito curta e sinceramente não ocupo e não gasto o meu tempo com essa ignorância que chamam de homofobia, porque ser feliz está muito acima desse comportamento ridículo é desumano.

DST no gays: Após 15 anos diagnosticando e tratando das DSTs no gays, sempre falo que o gay casado ou mesmo namorando e um grande parceiro, dedicado, fiel, amigo, amante porém quando o gay separa e fica solteiro por ser extremamente sexual e agir por atração física cai em armadilhas como a pratica do sexo inseguro e muitos delas associado ao uso das drogas e acaba sendo contaminado desde a antiga gonorreia até as mais sérias como HIV e hepatites.

DSTs são mais frequentes nas relações gays pela própria anatomia anorretal que muitas vezes favorece a traumatismos pela abertura e lubrificação insuficientes:

Brinquedo erótico:  As principais informações que sempre gosto que os gays entendam sobre o uso do brinquedo erótico, são:


1- Brinquedo erótico correto: Adquira um brinquedo erótico macio ou de silicone, de 15 cm no máximo é uma haste na base que evitará acidentes como ser aspirado para dentro do reto.

2- Compartilhar o seu brinquedo erótico: Nunca faço isso pelo risco de contrair uma DST pelas secreções que sujam o brinquedo erótico contaminado.

Chuca: Lembrar que o reto tem 15 cm de comprimento e o penis do homem brasileiro tem na média 14cm de comprimento e a menos que o seu parceiro seja um extraterrestre você só precisará limpar o reto e para isso injetar uma solução que existe nas farmácias normais com um volume ideal, sob baixa pressão e cerca de 1h antes da relação passiva.

Fotos abaixo o Dr Paulo Branco mostra a forma correta para fazer a chuca para evitar o cheque na hora H:







Verrugas de hpv no gay, transmissão, diagnóstico, tratamento é acompanhamento foi o tema da entrevista que o proctologista Dr Paulo Branco fez com o jornalista Roberto Rodrigues ilustrada com fotos e link para site, canal de vídeos e blogs de proctologia.

Vídeo educativo o proctologista Dr Paulo Branco foi entrevistado pelo jornalista Roberto Rodrigues, online, e falou sobre o diagnóstico e tratamento do vírus e verrugas de hpv nos gays. #proctologia

YouTube: vídeos educativos das doenças proctologicas tratadas com laser sob anestesia local e sem internação:
Canal: proctologista Dr paulo Branco





Conceito: E um DNA-vírus que só infecta a espécie humana.

Tipos dos vírus do hpv: Existem mais de 200 tipos, sendo os mais frequentes e que causam as verrugas são os 6/11 e os que causam o câncer 16/18.





Sexo forte consentido entre os homens gays que é uma causa importante da contaminação no sexo entre os gays, principalmente pelo ativo que louco pela sua satisfação não coloca o preservativo fora o traumatismo muitas vezes acabando em ferimentos e hematomas perianais:




Locais onde as verrugas de hpv foram mais frequentes na minha experiência clinica: No gay ativo foi mais frequente no excesso de pele que cobre o penis e no gay passivo na pele perianal.
Exames:

Anuscopia: Endoscopia do canal anal e mucosa do reto para detectar verrugas nestas regiões.

- Anuscopia de alta-resolução: Realizo na minha clinica para avaliar a carga viral local o que será de grande importância para o resultado final do tratamento que decidirá a indicação de imunomoduladores para o tratamento de uma carga viral local elevada o que diminui a chance de retorno das verrugas para índices muito baixos.

Captura híbrida: Não pedimos de rotina mas na duvida poderá ser pedida a captura híbrida para detectar o DNA do vírus.
Câncer e o vírus do hpv:

Riscos:

Câncer de penis: 70% de presença do vírus hpv.

Câncer de anus: 10 a 20% de presença do vírus do hpv.

Nas fotos abaixo veja o potencial de transformação maligna nas verrugas de Hpv na pele perianal:



Atenção: O câncer de anus teve uma incidência maior na associação no mesmo paciente do hpv e HIV, esse transfere uma proteína para o vírus hpv que o torna mais agressivo.



Foto mostra a verruga de hpv que estou tratando com laser sob anestesia local e sem internação:



Vacina: Não trata as verrugas existentes mas previnirá contra infecções por novos vírus e aumentará a carga viral.